18 de ago de 2010

Vocês ainda não tem filhos??

Porque? Quando pretendem ter?


Meeeuuu, que saco ouvir isso toda as vezes que eu digo a alguém que tenho 34 anos, que sou casada há mais de sete anos e ainda não temos filhos! Tudo bem que a pergunta e a curiosidade são normais, mas porque a cara de espanto? Acho tão engraçado esse pensamento (tão antigo) de que é estranho um casal não ter filhos.

É impressionante como as mulheres "saem da órbita" de tanto tentarem imaginar o motivo: será que ela não pode engravidar? Coitadinha. Será que ela tem alguma doença? Ou será que é o marido?
Eu, simplesmente, respondo que ainda não tivemos e ponto. Mas, percebo que algo fica no ar. É como se eu tivesse que dar uma satisfação para provar que somos normais e sadios! Ridículo.

Agora me diz uma coisa: e se optássemos por não ter filhos? Qual o problema? Seríamos excluídos da sociedade? Talvez sim. Acho que é isso mesmo que aconteceria porque, infelizmente, a maioria das mulheres (principalmente as que já são mães) não encaram bem essa opção de "não deixar descendentes".

Saibam de uma coisa: ter filho não é garantia de uma velhice feliz. Ter um filho não é garantia de felicidade durante toda a vida. Ter filho não garante que você terá companhia daqui 40 anos. Então, porque muitas conhecidas minhas insistem em pensar que "ter filho é necessário para isso ou para aquilo"?
Na verdade, não devemos nem ter filhos para sermos felizes!! O ideal seria se fôssemos felizes independente de qualquer coisa e compartilhássemos esta felicidade, já existente na família, com o bebê.

Um filho não deve ser planejado com segundas intenções! "Com um bebê seremos mais felizes, com um bebê nossa casa voltará a ser alegre, com um bebê nosso casamento mudará" .... etc etc etc.
Se eu e meu marido ainda não tivemos filhos, paciência! Não queremos ter nenhum bebê para mostrar que somos normais!!!

Sim. Eu e o meu esposo queremos SIM ter filhos! Não se preocupem! (palavras para algumas pessoas específicas). O nosso sonho é ter uma casa feliz com cachorro, passarinho, gato, piscina, jardim e nossos filhos. Adoraria levá-los à escola, à natação e brincar no parque. Mas, ainda não rolou. Não tem muito que explicar.

E, por favor, vamos respeitar a decisão de cada mulher: produção independente, maternidade depois dos 40 ou, simplesmente, não querer ter filhos.
Você pode não concordar, mas não faça cara de espanto. Isso aborrece e nos faz pensar que somos "anormais".

Obs.1: Este post foi citado como o favorito no blog "Desabafo". Dêem uma olhada: http://odesabapho.blogspot.com/2010/09/selo.html

Obs.2: No dia 12/08/2011, a blogueira Ana Santos escreveu sobre esse mesmo tema no blog dela: 'Autora Em Construção'. Para ler, basta clicar aqui.


39 comentários:

Lane Eterna disse...

Menina eu passei muito por isso antes mesmo de casar, já tinha mais de trinta e nemme cobravam uma produção independente!rs. Mas quando conheci meu marido senti logo que era o homem da minha vida e quisemos logo engravidar depois do casamento.Foi um sonho realizado e não me arrependo. Não pudemos fazer ainda uma viagem dos sonhos, nem sequer ir ao Rio onde moram as irmãs do marido, mas não me arrenpendo,foi uma decisão consciente. Como acredito que deve ser a sua em esperar mais um pouco. E nem pense que isso vai mudar depois q vc tiver seu bebê pq o meu tem 2 e 5 meses e todos perguntam quando vou ter outro, pode?! Respondo que só quando perder os 6 quilos que ficaram por aqui e projetar os móveis do apartamento todo,ou seja,tão cedo! rs.

Depois dos 25, mas antes do 40! disse...

Flavia! Estou aqui me deliciando com cada palavra. Eu ainda nem passei dos 30, mas como namoro há onze anos, entre idas e vindas, e meu namoado já está com 42, é uma coisa!!! Todos os amigos dele têm filhos e nos perguntam absrudos. Alguns dizem:
- Você não se preocupam com a perpetuação? A história de vocês vai acabar com vocês!

Que acabe! Que perpetuação? Do jeito que o mundo anda, a gente mesmo vai ver o fim do mundo!

Dizem que não tenho instinto materno e por ai vai. Eu ainda quero muita coisa da vida antes de ter filho. E só vou pensar nisso quando eu e só eu quiser.

Beijos

Hidemi disse...

rsrs tem gnt sem nocao mesmo...
eu passei anos ouvindo essa pergunta
mas minha resposta era sempre -deus me livre
tinha optado por nao ter filhos
mas depois de anos de casada a isis veio e resolvi que estava pronta pra encarar a maternidade
volta e meia ouvia coisas do tipo -se nao quer filhos pq casou? o.O tem muita gnt doida nesse mundo rsrsrs

tenho minha filha e estou adorando ser mae
mas esse negocio de ficar empurrando a ideia de que ser mae na vida da mulher eh tudo, acho uma bobagem
ser mae eh otimo, me faz sentir completa, forte... me ensina muitas coisas todos os dias...
mas isso nao quer dizer que todas as maes se sintam assim, ou que toda mulher precise ser pra se sentir assim...
eu tb amava minha vida antes da maternidade, eu tinha mais liberdade, tempo...
acho q a maternidade deve vir na hora que a mulher se sente pronta

Desabafo disse...

Flavinha (posso chamá-la assim?)!!
Não coloquei a foto das minhas unhas pq quando resolvi postar sobre o esmalte elas já estavam descascando hahahaha aí não dava né?
Menina!! Vc se inspirou no odesabapho?? Gostei muito. Concordo plenamente com vc. Tenho 29 até novembro e estou casada há 1 ano. Estamos muito felizes e queremos um filho sim. Mas daqui há um tempinho. Mas já tem gente cobrando acredita?? O engraçado é que esse assunto faz as pessoas se escandalizarem. Tipo... se vcs moram em apartamento ninguém se mete falando q morar em casa é melhor... ou se vcs não tem carro, ninguém fala pra comprar um. Impressionante como a questão de ter filhos dá essa abertura.
Bjs, Camila.
odesabapho.blogspot.com

Folhas de Andreza disse...

...bem...acho que nos tornamos mãe,não quando queremos...mas quando o Cara lá de cima,sente que chegou nossa hora,que estamos prontas para dedicar e ensinar tudo aquilo que sabemos...sem deixar de viver...ser mãe não é só parir e pronto,deixar que a babá cuide,ou a vó, ou a tia...é participar,sofrer(noites sem dormir...ainda bem que não passei por isso...rsrs),educar,formar,encaminhar,aquecer,sorrir,chorar,se preocupar...isso dá trabalho!!! Vc pode achar que já está pronta,ou que não quer...quem sabe?!!
Desde os 22 anos eu queria ter um filho...independente da estar ou não casada...eu queria e pronto...eu tinha uma pessoa ao meu lado...não sabia se era a pessoa certa( e não era),mas eu queria...tentavamos todos os dias(4 anos),e nada...já tava desiludida...deixei pra lá...quando eu menos esperei,estava grávida,e só fui perceber porque a regra atrasou(sou certinha,nem um dia a mais nem a menos,chega o dia e o sinal dá vermelho),passou dois dias fui ao médico,fiz o exame e deu positivo...hj minha pequena já tem 9 anos(lindaaaaaaaa).Tem tbm uma colega de trabalho que fez de tudo pra engravidar,tudo o que vc possa imaginar(durante 10 anos!!!!!),desistiu e resolveu com o marido adotar uma criança...pásmem...depois de um ano de adoção...engravidou de gêmeos!!!por isso e outras razões...creio que não somos nós que decidimos...se ele manda...a gente obdece!!!(mesmo sem querer...)
Bjks doce no ♥

Cae Fernandes disse...

Oi Flávia!!
Realmente, parece que os maiores motivos prá se ter filhos são sempre egoístas...rsrrs
Eu estou casada há 25 anos, não tivemos filhos e somos muito felizes. Já fui olhada como alienígena!! Mas, quer saber? agora sinto mesmo é que alguns tem inveja...rrsrs. Minha vida é tão sossegada, viajo, sobra mais dinheiro, não tenho muitas preocupações que mães costumam ter...
Eu comecei a pensar em engravidar com 33 anos, e não rolou...fizemos exames,estava tudo em ordem e nada! Como nunca fui tão fissurada, não quis fazer altos tratamentos...curto muito minha vida! A felicidade não pode depender dos outros...
Bjoos
Cae

Lilian Amorim disse...

Oi Flávia!
Como tem gente chata e sem noção neste mundo, não é?
E vc pode ter certeza que mesmo depois de ter um filho as cobranças continuarão, viu!
Enche o saco!
Vc está fazendo certinho, não tem que ficar dando satisfação pra ninguém não.
Na hora que Deus quiser, vcs terão o filhote de vcs.
Beijinhos

Lilian Britto disse...

Eu acho um absurdo as pessoas terem a coragem de perguntar! Eu nunca faço essa pergunta pra ninguem, não sei o que está se passando com o casal e nem cabe a mim julgar a vida de quem quer que seja. Eu sou mãe, amo ser mãe mas respeito demais a opção de cada mulher. Ninguem precisa ter um filho pra provar que se é mulher né?!
Beijos, ótima semana =*

Meu blog: http://doceinsensatez.com/blog

Gi Salmazi disse...

Flávia!!!!!!vc tava falando de mim???nossa história tá igual lindona!esse ano faço 34, estou há 6 casada e tenho tanta cobrança, até minha, mas sei que estamos bem e que uma hora os filhos irão aparecer para nos alegrar mais ainda, mas a vida de casal "solteiro" é tão boa rsrsrs e o povo fica enchendo o saco!
mas fazer o quê???comprar um gatinho para cada um assim todo mundo arranja o que fazer e cuida da própria vida rarara
bjs lindona!
gi salmazi

Nutri Bobagens disse...

Ri um pouco com esse post pq é realmente verdade essa cobrança da sociedade.
Na verdade tenho muitas amigas na minha idade, 23 anos, e até mais novas que já são mães.
Mas eu não me vejo como mãe, como responsável por alguém, me sinto muito nova pra isso e penso que ainda falta fazer muita coisa antes da maternidade.
Acho que tenho que me formar, conhecer alguns lugares, ter algumas realizações antes dessa GRANDE realização, fora o relacionamento estável, coisa que o meu com pouco mais de um ano tá bem longe de ser.
Minha mãe me teve aos 16 anos, nossa relação é muito boa, mais tenho certeza que ela teria me curtido mais e curtido mais a vida se tivesse mais idade.

bjoS2

Paula Li disse...

Adorei o post, já quis ter filhos mas estou numa fase que não posso nem pensar no assunto. As pessoas me criticam por pensar assim, como uma mulher pode não querer filhos!? Não sei se terei este pensamento para sempre, eu mesma me defino como um ser em transformação e tudo pode mudar de repente.
Antes sentia um certo receio de dizer que não queria filhos, mas agora falo abertamente, a decisão é minha e ninguém tem nada a ver com isso e também não sou nenhum mostro por não ter o mesmo pensamento da maioria.
Ufa!!!! Acabei!!!
Bjs

Luly disse...

ai Flavia,venho te seguindo a uns dias
e to amando!
e olha,como eu gostaria de dizer tudo isso
q vc escreveu na cara de quens vem encher
a minha paciencia com isso! saco msm!!!
mas se a gente falar assim na lata,a gente q è grossa....sempre vao criticar alguma coisa,
povo sem noçao!...ou com noçao,q se fazem os idiotas :P

Live from Germany disse...

Menina, consegui visualizar a cena todinha aqui no meu laptop. Passei por isso milhaaaaaaaaaaares de vezes!!
Apesar do povo aqui ser mais discreto, toda regra tem a sua exceção e, eu encontro quase todas!! Essa perguntinha aborrece. O pior, é que independente do que você responda, vc nunca agrada. Se fala que quer, começam as indiscrições. Se fala que nao, vem os discursos.
Tem gente que nao tem semancol e nem o que fazer na vida, nao é mesmo?
Aqui, o discurso do povo indiscreto mudou quando eu perguntei se eles viriam cuidar do bebê por mim. A resposta era sempre "eu nao!", entao, quem nao participa nao tem direito a dar opinião!:-)
Take your time...

Monike disse...

Adoro visitar o seu blog, ahhh mas é claro que vc pode me chamar de colorida hehehehe, eu tenho um colega que me chama de HQ (historia em quadrinhos) huahauahuaha

bjs querida

Cris: Diário ON Line disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cris: Diário ON Line disse...

Fláaaa...suas palavras são canções para o ouvido de muita gente viu... percebe-se logo pela qtdd de gente mulher que concorda com você aQui rsrs.... e olha super concordo com você... seres humanos são assim mesmo neh, sempre metendo bedelho onde não são chamados, e o ilário é que: A maioria das mães atuais, não estavam esperando, programando o filho certo?!!! Digo a maioria... mas enfim isso não é o caso...porém penso, se essa maioria fosse programar ...estariam curtindo o máximo tb que poderiam... então fico naquela, seriam inveja? ou apenas falação mesmo...pq vou te contar viu, se tem um bixinho que gosta de falar da vida alheia é o tal do HOMEM/MULHER rsrsrs.... mas é isso aí, vivendo e aprendendo, e se tivermos que dar explicações, então que sejam como as suas palavras... tudo clara e de fácil entendimento rsrs uhuuuul...beijos de luz minha flor, vc é super d+ ....Sou sua fã...vc sabe disso neh!

Jú Ferrer disse...

Esse lance de ficar cobrando filho é uó. Em todos os aspectos, vc querendo, vc não querendo, vc tentando. Ninguém tem nada a ver com isso a não ser o casal.

Eu não acho que os casais que resolvem não ter filhos são estranhos, mas na verdade acho corajosos (engraçado eu pensar assim). Corajosos por assumirem a opção e pronto, foda-se o resto.

Beijocas flor.

Nanda disse...

Flavinha, quando não se tem nenhum, a pergunta é essa...e depois que vc já tem a pergunta passa para quando vem o próximo???
rsrsr
beijos

www.belezasanta.blogspot.com

Manias de Benetti disse...

Puxa, é complicado isso e pessoas falando é o que mais irrita... Eu não sou casada, mas quando me perguntam se um dia quero ter filhos a resposta é 'não'. Sei que isso é algo natural da vida e que um dia vai acontecer, mas quero construir minha vda primeiro e realizar boa parte dos meus sonhos
Ah, eu amo vir aqui no sue blog...sabia? rsrs

;*
Marina

Satie disse...

Oi Flavia!

Achei seu blog e ja estou te seguindo!
Acho que acaba sendo sempre assim. Qdo vc ja esta com alguem e nao tem filhos, a familia e os amigos (principalmente aqueles que tem) vao te cobrar, qdo vc tiver o primeiro, vao te perguntar do segundo, e se forem soh meninos ou soh meninas vao te perguntar do outro sexo...
Ja estavamos juntos a 11 anos qdo resolvemos ter filhos, a cobranca era enorme, mas decidimos que iriamos aproveitar bastante antes de ter filhos, pois eh uma decisao que muda a sua vida para sempre.
Viajamos, trabalhamos, curtimos, e qdo achamos que chegou a hora, decidimos ter, e tivemos!
Tenho 2 meninos e agora cobram "e quando vira a menininha?!!" Tipo, chega ne? ja tenho 2 filhos poxa!
Mas eh isso, nao se estressa nao que nao vale a pena. Ser feliz eh uma decisao sua, depende de voce, nao dos outros!

bjks
Satie
http://casadasatie.blogspot.com/

♥ Erika Saab disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
♥ Erika Saab disse...

Ai, que bom que tem mulheres que pensam assim! Eu também estou casada e não tenho nenhum plano de ter filhos, por enquanto e para falar a verdade não sinto nem vontade de ser mãe ainda.Não pretendo colocar pessoas no mundo só para dar satisfação aos outros. Só vou ter quando estiver a fim, mesmo que todo mundo ache que isso é ser egoísta.

Flávia Shiroma disse...

Nossa meninas, como é importante compartilhar idéias!
Vcs postaram comentários tão bacanas que me deu vontade de trasformá-los em uma nova postagem! kkkk....

Vou correndo visitar cada uma de vocês para comentar o comentário!

Obrigada pela amizade!

BEIJOSSSSSSSSSSSS
:)

Greyce disse...

Oi, Flavia! Vi seu recadinho. Moro à 400 Km de Paris :) E a linhaça, consumo todos os dias em sucos ou no iogurte.

Adorei esse seu post. Casei ha dois anos e meio e todo mundo ja pergunta " e os filhos? não vão ter não?" affff Da vontade de responder " não casei para procriar!" rsrsrs
Parece dificil mesmo para certas pessoas de entender que a gente pode sim decidir nao ter filhos ou ter filhos so depois dos 30. Com a minha irmã foi a mesma coisa. Ela teve filho no ano passado aos 36 anos (quase 37). Todo mundo perguntava se tinha algum problema :s
Vão cansar de me perguntar, pq eu tb so quero la pros meus quase 35,36.
beijinhos

HEIDY MULHER QUE AMA disse...

Nossa Flávia amiga,sei bem o que é isso viu,eu tbm quando me casei fiquei 3 anos para engravidar,ouvi cada uma,eu tinha uma loja,e uma sócia,ela reunia todas as amigas e o assunto era sempre esse,fui ter a primeira filha com 27 anos,a segunda com 30 anos,o quarto bebe eu perdi eu tinha 32,e a ultima eu tive com 36 anos,bem resumindo,fiquei muito tempo escutando nossa pra que tantos filhos? Hoje em dia é loucura a Heidy está fora do juizo....
Então amiga,vc tendo ou não filhos,agora ou depois não importa,virá em um momento certo,
e sempre vai ter pessoas para falar algo.
Curta bastante o maridão primeiro,experiência
minha amiga!!!
bjsssssssss bem enormesssssss para vc!!!!

Pri Kiguti disse...

Oh Flá!
Agora são 22:40, agora vou jantar e fazer a janta de amanhã... Óh que coisa!
Eu não aprendo nunca! Afff!
Tenho que manter a minha fama de Corujinha! [do Oriente, kkkkk!]
=P

Desabafo disse...

Oi Flavinha, No post q fiz antes, me esqueci de comentar q a ilustração do seu post foi excepcional. Perfeita... É essa a cara que fazem mesmo hahaha
Filhos é algo tão íntimo, tão pessoal e as pessoas resolvem se meter. É contraditório. rsrsrs Que venham na hora que vcs resolverem. Que venham com saúde.
É verdade, o ser humano é mto criativo mesmo. Cada dia a gente vê alguma coisa diferente, nova, criativa. É uma inspiração.
Bjs, Camila.
odesabapho.blogspot.com

Janaina Cassis disse...

Amiga
Nem liga isso é coisa de gente que não tem o que fazer, ou tem e não dá a devida importância, rs!
Acho assim cada um sabe a sua hora, e vcs estão certíssimos se curtam muitooo primeiro depois pensem em filhos, e se é a estabilidade financeira que esperam aí é que concordo mesmo em esperar é muito difícil não poder dar o que a gente quer pra esses seres tão especiais, enfim seja feliz do jeito que vc quizer isso só diz respeito a vc e ponto final!!!
Beijo no seu coração e fica em paz amiga tudo vem a seu tempo... Jana.

Fernanda Caldas disse...

Fla, é o que eu postei uma vez pra você: cabeça é uma coisa louca. A gente quer e não vem mesmo, até que desencane. Mas como desencanar? Não sei responder. E a nossa expectativa vai ficando ainda mais tensa quando todos a nossa volta nos cobram (sem querer) e a nossa cobrança com a gente mesmo aumenta. Ficamos arrasadas com ficamos mestruadas. Enfim. O lance é que o bloqueio fica na nossa cabeça e é simplesmente muito dificil controlar esse trem. Qdo alguem cobrar, mude de assunto. Fique tranquila, aproveite seu marido sem paranoia e relaxe que virá. Beijos, Nanda / http://ararafashion.blogspot.com

Mummy Brown disse...

Falou e disse! Eu tenho 32 anos e estou grávida de pouco tempo e estou AMANDO este momento que superou todas as minhas expectativas!
Quando chegar seu momento voce vai amar com certeza e vai pensar, " não sei por que eu protelei tanto" falo por experiÊnncia própria! Bjos

HEIDY MULHER QUE AMA disse...

Querida Flávia,lembrei de mais um detalhe,se as pessoas tem 1 só filho,tbm vão dizer:
Vai ter só 1? Filho único é mimado. Não vai tentar uma menina?
Se forem do mesmo sexo então kkkkkkk não vai tentar do outro sexo?
Aguenta em menina,sempre vai ter alguém para dizer algo kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
bjãooooooooooo amiga!!!!
ótima 6º feira tá !!!

Nathalia Lima disse...

Gostei do blog... Sou nova nesse meio, rs mas admiro assim blogs como o seu, que falam sobre o nos, do que nos faz bem, etc.
Parabens flor...

Beijos

Mazane disse...

Um dia desses fiz um post com essa mesma temática, me indentifiquei muitíssimo com seu texto, coisa chata!!! Acho que deve-se escolher o que faz a gente feliz e pronto, não acredito que exista receita pronta pra isso!!!!

Babi Zuza disse...

Oi Flávia!!!

Adorei o post.. sabe tb fico de saco cheio com isso.. e olha que só tenho 25 anos (faço 26 segunda feira kkk).. namoro já tem 9 anos.. ai o povo pergunta: quando vcs vão casar?? já namoram a 9 anos.. e os filhos quando vem?? Meu Deus.. não nos dão paz.. Acham só pq temos uma relação estável já devemos ter tudo né.. uma família completa!! E quando a gente responde: ah ainda não sei quando.. a cara de espanto é inevitável.. fora quando resolvem não só fazer a cara mas darem suas teorias né?!

B-jinhos
Babi Zuza
www.babizuza.blogspot.com
@babi_zuza

Artesanato feito a mão disse...

nosssssssssssaaaaa...tenho 28 anos e lá em casa a minha irmã mais velha já tem 2 filhos ,o meu irmãozinho casula já tem 1 baby e só falta eu......ai vem a cobrança....e mais todos os netos são homens.....e meus pais me pedem uma menininha......é para acabar.....sá dó risadaaaaaaaaaa.....hahahahah vai demorar um pouquinho mais......bjuzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz

Artesanato feito a mão disse...

oieeeeeeeeeee.....coração só passei p te dar um bijinhoooooooooo..adorooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo........muito vc...parece que nos conhecemos a milhares de anos...sei como é ficar em outro país.....dá muita xaudade né.....mais depois vcs vão sentir saudades pode acreditar.....bjux amiga....fica com deus.....

Line disse...

Eu estou passando por isso com as cobranças da minha mãe, que inclusive já tem uma neta, filha do meu irmão. Eu sinto que a questão de não querer ter filhos é vista de forma mais natura na Europa (falando de uma maneira geral, pois moro na Holanda).
Existe sim uma cobrança (mais ou menos velada) da sociedade em relação a isso.
Eu tenho 29 e ainda não me decidi. Tem dias que acho que sim, tem dias que acho que não. Enfim, acho que saberei quando chegar a hora - se essa hora chegar. Caso não chegue, viverei tranquilamente minha vidinha.

Blog muito legal!

Laninha disse...

Gente, isso é tão verdadeiro!
Tenho 30 anos, divorciada e sem filhos, e o povo (menos minha família, graças ao meu Pai Eterno!) vive dizendo que tenho que casar de novo, que é perigoso ter filhos depois de 30 e poucos, que tô ficando pra titia... uó do borogodó! rs
Acredita que quando minha irmã foi ter o primeiro bebê, depois de 2 anos de casada, a enfermeira se espantou por ser o primeiro?! É que, segundo ela, minha irmã estava muito velha (28 anos)! Imagina ouvir isso antes do parto?! Sorte que não foi normal, se não minha irmã teria descontado a dor na enfermeira rs...

Bianca de Neve disse...

Isso se torna mais chato quando realmente se tem uma dificuldade, como é o meu caso, mas mesmo precisando de um tratamento de infertilidade pra ser mãe, concordo com "O ideal seria se fôssemos felizes ...e compartilhássemos esta felicidade, já existente na família, com o bebê."
bjs